top of page
  • Foto do escritorComunicação Grupo Multifarma

Empurroterapia, O que é? Entenda como evitar essa prática na sua Farmácia.


🚨 Empurroterapia, O que é? Entenda como evitar essa prática na sua Farmácia.


📢 Em nosso dia a dia, é comum nos depararmos com situações em que somos tentados a comprar produtos ou serviços que não necessitamos. Infelizmente, essa prática também ocorre em muitas farmácias ao redor do mundo, onde os clientes são persuadidos a adquirir medicamentos e produtos farmacêuticos sem a devida necessidade. Esse comportamento é conhecido como “empurroterapia” e pode trazer prejuízos tanto para os consumidores quanto para a reputação da própria farmácia. Neste blog post, vamos explorar o conceito de empurroterapia e discutir como evitá-la em sua farmácia.


>> O que é a empurroterapia? A empurroterapia é uma prática em que os atendentes de farmácia utilizam técnicas persuasivas para incentivar a compra de medicamentos e produtos, mesmo quando não são necessários para o cliente. Essas técnicas podem incluir argumentos enganosos, pressão emocional, desinformação e até mesmo a indicação de produtos de marca própria em detrimento de opção mais acessíveis e eficazes.

Esse tipo de comportamento visa aumentar as vendas da farmácia, muitas vezes em detrimento da saúde e do bem-estar dos clientes. É importante ressaltar que nem todos os profissionais de farmácia adotam essa prática e a maioria atua conforme as diretrizes éticas e legais da profissão.


Os riscos da empurroterapia: Essa prática pode ter consequências negativas tanto para os clientes quanto para a farmácia. Alguns dos riscos associados a essa prática incluem:


✅1 – Desperdício de recursos: ao comprar medicamentos e produtos desnecessários, os clientes gastam dinheiro de forma necessária, o que pode impactar negativamente seu orçamento pessoal.


✅2 – Riscos à saúde: O uso inadequado de medicamentos pode levar a efeitos colaterais indesejados e até mesmo a problemas de saúde mais graves. Além disso, a falta de orientação adequada pode fazer com que os pacientes ignorem tratamentos realmente necessários.


✅3 – Perda de confiança: A empurroterapia mina a confiança dos clientes na farmácia e nos profissionais de saúde. Isso pode resultar em uma reputação negativa para o estabelecimento, afastando potenciais clientes e prejudicando o relacionamento com os atuais.


Como evitar a empurroterapia na sua farmácia: felizmente, existem medidas que podem ser tomadas para evitar a empurroterapia em sua farmácia e garantir uma abordagem ética e responsável no atendimento aos clientes. Aqui estão algumas dicas:


✅1 – Capacite sua equipe: invista em treinamento para seus funcionários, enfatizando a importância da ética profissional, da honestidade e do respeito ao cliente. Destaque a responsabilidade de fornecer informações precisas e imparciais sobre medicamentos e produtos.


✅2 – Promova a transparência: certifique-se de que todas as informações sobre os produtos estejam claramente visíveis para os clientes. Indique de forma clara e objetiva as opções disponíveis, bem como seus benefícios e possíveis efeitos colaterais. Disponibilize material informativo e educativo para os clientes possam tomar decisões informadas.


✅3 – Estimule a comunicação: incentive seus atendentes a ouvirem atentamente as necessidades dos clientes e a responderem a todas as suas perguntas honestamente. Priorize o diálogo e a compreensão mútua, oferecendo alternativas quando apropriado e respeitando a autonomia de cada indivíduo.


✅4 – Evite metas de vendas agressivas: estabeleça metas que priorizem a qualidade do atendimento ao invés do volume de vendas. Isso ajudará a criar um ambiente onde os funcionários se concentrem no bem-estar dos clientes, em vez de pressioná-los a fazer compras desnecessárias.


📢Conclusão, a empurroterapia é uma prática prejudicial que afeta a confiança dos clientes e pode comprometer a reputação de uma farmácia. É essencial que os profissionais de saúde atuem de forma ética e responsável, fornecendo informações adequadas e respeitando a autonomia do cliente. Ao adotar medidas para evitar a empurroterapia, você estará construindo uma relação de confiança com seus clientes e contribuindo para a promoção da saúde e do bem-estar.

54 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page